RIO BRANCO - Chuva invade residências e castiga comunidade

Fonte: AC 24 Horas

Quarta-Feira, 14 de Fevereiro de 2018 às 16:04

Compartilhar matéria:

O Igarapé Batista transbordou durante a chuva da noite de ontem e madrugada desta quarta-feira, 14, e deixou dezenas de casas debaixo d’água no Bairro da Paz, em Rio Branco. Famílias inteiras foram obrigadas a deixar suas residências durante a madrugada.

“Era meia-noite quando a água começou a invadir minha casa, e tive que sair com os meus dois meninos. Ainda deu pra salvar uma geladeira e uma cama”, diz Dolores de Figueiredo, mãe de dois filhos menores, que foi abrigada por uma vizinha. Ela, seus filhos e outras duas famílias aguardam na área de uma residência de uma vizinha ajuda do poder público.

O Igarapé Batista transbordou durante a chuva da noite de ontem e madrugada desta quarta-feira, 14, e deixou dezenas de casas debaixo d’água no Bairro da Paz, em Rio Branco. Famílias inteiras foram obrigadas a deixar suas residências durante a madrugada.

“Era meia-noite quando a água começou a invadir minha casa, e tive que sair com os meus dois meninos. Ainda deu pra salvar uma geladeira e uma cama”, diz Dolores de Figueiredo, mãe de dois filhos menores, que foi abrigada por uma vizinha. Ela, seus filhos e outras duas famílias aguardam na área de uma residência de uma vizinha ajuda do poder público.

Alguns moradores reclamam que até as 11h da manhã desta quarta-feira, mesmo após inúmeras ligações com pedidos de ajuda, o Corpo de Bombeiros não havia ido ao local.

Ao ac24horas, o major Falcão afirmou que vai pedir reforço da Defesa Civil e enviar ao Bairro da Paz equipes para o trabalho de remoção de famílias. “São muitas chamadas. A gente tratou das emergenciais. O caso do Bairro da Paz é de remoção”, diz o major.

Outra preocupação de alguns moradores é com a energia elétrica que continua ligada no local.

O prefeito de Rio Branco, Marcus Viana, percorre desde cedo os bairros da capital que sofreram com o transbordamento de córregos durante a chuva.

Órgãos municipais como Emurb, Semsur, RBTrans, Secretaria de Saúde, além da própria Defesa Civil, se mobilizaram para ajudar na retirada de móveis, animais e até de pessoas com dificuldade de locomoção de residências alagadas.

A Defesa Civil Municipal informou que o volume de chuvas em Rio Branco foi de 277, 4 milímetros, o equivalente a um mês inteiro de chuva.

Até o momento, o Corpo de Bombeiros recebeu 115 chamadas por causa da chuva. A maioria dos casos é de alagamentos, informa o major Falcão.

Famílias inteiras ficaram ilhadas. Córregos transbordaram e interditaram ruas na capital. A todo momento chegam novos registros, fotos e vídeos de ruas e residências alagadas.

Há registros de alagamentos na Baixada da Sobral, no Bosque e no 2º Distrito. A Estrada do Calafate no trecho próximo à rotatória da Via Verde ficou debaixo d’água.

Deputado Jesuino Boabaid se indigna com veto do governo

Deputado Jesuino Boabaid se indigna com veto do governo

Sessão Solene homenageia servidores da SEJUS

Sessão Solene homenageia servidores da SEJUS

Direção Geral: Vinicius Queiroz
Rua Reverendo Elias Fontes - N°1914, Agenor de Carvalho
Porto Velho/RO. 76820-294
Fone: 69-99386-6052